O mês de junho chegou e com ela a diversão em Lisboa. São as festas dedicadas ao Santo António que irão animar a cidade durante um mês com festa a cheirinho a sardinha assada, arraiais espalhados pela cidade, música e muita cor de manjericos, fitas e grinaldas. Aproveitem, pois é a altura de dançar  e cantar em plenos pulmões os grandes sucessos dos arraiais que nunca ouvimos ou dançamos durante o resto do ano. Ninguém leva a mal, pois todos fazem o mesmo. A alegria instala-se na cidade, um pouco por todo o lado. O programa já está disponível e deixamos por aqui um cheirinho do que vamos encontrar por Lisboa.

Tendo com mote o 170º aniversário do artista Rafael Bordalo Pinheiro, o programa deste ano inspirou-se da irreverência deste artista para a organização dos diversos eventos e atividades que irão ocupar todo o mês de Junho. Mais um ano de Festas de Lisboa da responsabilidade da EGEAC, empresa municipal de eventos, que celebra, igualmente, os seus 20 anos de existência.

1. O Santo  – Arraiais e Tradição

(Imagem: Reprodução Porto Bay Events)

Imagem: Reprodução Porto Bay Events

O Santo António é o santo querido desta cidade, pois é ele que nos dá a desculpa de fazermos a festa durante o mês de Junho. E como manda a tradição temos arraiais em quase todos os cantos da cidade. Entende-se por um arraial típico de Lisboa, um local de diversão onde se dança ao som de música popular, se comem sardinhas, bifanas, arroz doce e farturas, se compra o manjerico com uma quadra popular dedicada ao amor, pois o santo António dá um empurrãozinho nos casamentos. E os casamentos também fazem parte na lista de eventos. Como vem sendo tradição, no dia 12 de Junho temos a celebração de vários casamentos em simultâneo, transmitidos pela televisão e celebrados por todos que assistem à cerimónia. Este ano são 16 casais que irão dar o nó. Dia 13 de Junho teremos a procissão dedicada ao Santo e ainda em sua homenagem temos em exposição ”Santo António  – de Popular a Contemporâneo” no Espaço Arte da Terra até dia 3 de julho e a exposição dos Tronos de Santo António a decorrer nos dias 4 e 5 de junho.

2. Deixem o Pimba em Paz

(Imagem: Reprodução EGEAC)

Imagem: Reprodução EGEAC

Dia 10 de junho também é uma data importante. Celebra-se o Dia de Portugal e a cidade irá receber um concerto singular, em homenagem à música Pimba. Entende-se Pimba um estilo de música mais popular, bastante criticado pela falta de qualidade musical. No entanto, este Pimba na voz do comediante Bruno Nogueira e da cantora Manuela Azevedo, acompanhados pela brilhante Orquestra Metropolitana, veste uma outra roupagem, reinventado por músicos consagrados do Jazz e da Música Clássica.

Dia 10 de Junho às 22h no Terreiro do Paço

Entrada Livre

3. As Marchas Populares

(Imagem: Reprodução CM Lisboa)

Imagem: Reprodução CM Lisboa

Já fazem parte da tradição há mais de 8 décadas as  marchas populares representam os vários bairros da cidade. A rivalidade existe e muita entre os vários grupos que se preparam o ano inteiro pensando no visual, na coreografia e na música.  Este ano o tema de inspiração é o artista Bordalo Pinheiro que celebra o seu 170º aniversário. A apresentação é feita na grande noite do dia 12 de junho na Avenida da Liberdade e conta com a participação, pela primeira vez, do bairro da Boavista.

Dia 12 de junho às 21h00 na Avenida da Liberdade

Entrada Livre

4. Teatro das Compras

(Imagem: Reprodução CM Lisboa)

(Imagem: Reprodução CM Lisboa)

Já com sete anos de existência este projeto dá vida às lojas tradicionais da Baixa com teatro. O Teatro das Compras apresenta espetáculos de curta duração no interior das lojas antigas da baixa, como forma de dar uma nova identidade a estes espaços que teimam em não desaparecer das nossas memórias. Para cada loja é convidado um autor que através de um estudo do espaço e história da loja, imagina uma ficção que poderia ser parte da memória desse lugar, da sua identidade histórica e comercial.

Dias 16, 17, 18, 23, 24 e 25 de junho nas Lojas da Baixa Pombalina

Entrada Livre

 

5. Fado no Castelo de S. Jorge

(Imagem: Reprodução Região de Cister)

Imagem: Reprodução Região de Cister

São 3 concertos de fado à noite no Castelo de São Jorge, aproveitando as noites quentes de verão com música, envolto de um cenário mágico. Dia 16 de junho teremos a presença de Carminho, no dia seguinte é a vez de José Manuel Neto e convidados, encerrando a última noite com Ana Moura.

Dias 16, 17 e 18 de junho no Castelo de São Jorge às 22h

Entrada Livre – Sujeita à lotação e mediante levantamento de bilhetes entre os dias 30 de maio e 5 de junho, na bilheteira do Castelo de São Jorge.

6. Buraka Som Sistema na Festa de Encerramento

(Imagem: Reprodução Arruada)

Imagem: Reprodução Arruada

Buraka Som Sistema encerra as Festas de Lisboa em Belém, em modo também simbólico de despedida deste projeto musical dos palcos. No dia 1 de julho a banda encerra com chave de oiro as Festas de Lisboa que irão animar a cidade durante um mês, terminando, ao mesmo tempo a sua digressão mundial. No entanto, este não será um adeus definitivo de eventos por Lisboa. O mês de julho também promete com muito por acontecer, de música, artes visuais e ritmos que irão continuar a agitar a cidade.

Dia 1 de Julho no Jardim da Torre de Belém  às 22h

Entrada Livre

Programa completo aqui.

Isabel Bernardo
Isabel Bernardo
Nascida e criada em Lisboa, tem a literatura, línguas e turismo como formação e um carinho especial pelo património, história, escrita e música. Entra nesta aventura, pelo gosto que tem em construir historias e passeios e pelo contacto com as pessoas. Fora da Rota é isso mesmo! Uma viagem enriquecedora entre amigos, mostrando os encantos de Portugal!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *