Estas são, provavelmente, algumas das coisas que não podem perder se forem a Viana do Castelo em Agosto, na altura das festas da Nossa Senhora da Agonia. Passamos, então,  a nomear, já que está na moda em qualquer blogue, o TOP 7 de Viana. 7 por que é o número da sorte desta semana.

Mas primeiro vou explicar-vos onde fica exactamente Viana do Castelo. Esta cidade à beira mar plantado, situa-se mesmo no norte, na região do Minho.  Olhem lá para o mapa. Pronto é aí a cerca de 74 km norte do Porto, com vista para o mar.


 

These are probably some of the things you shouldn’t miss if you’re visiting Viana do Castelo in August, during the Nossa Senhora da Agonia’s festivities. We hereby present the TOP 7 of Viana do Castelo, since it is now fashionable among any blog to make a top. 7 because it is this week’s lucky number. But first we’re going to explain  you where exactly Viana do Castelo is. The city is set by the sea, really up north in the Portuguese region called Minho.  Just look at the map. Yeap, it is there. 74 km north from Porto with a great sea view.

Sem títulofonte/source: www.viverviana.pt

1. A Romaria da Nossa Senhora da Agonia/ The religious festivity of Nossa Senhora da Agonia

Agosto é mês das festas em toda a região minhota. Não falta a folia, os cortejos, a folia, o vira e a alegria e… a folia. A romaria da Nossa Senhora da Agonia é uma das mais importantes do país, datada desde 1751. Muitos anos de…folia. É famosa, principalmente, pelo seu grande cortejo etnográfico que ilustra com carros alegóricos as suas tradições e a história da cidade. Mas as verdadeiras rainhas são as mulheres trajadas, com um impressionante peso de ouro ao peito que tem um valor incalculável. Faria o Mr.T dos Soldados da Fortuna roer de inveja.

 

CIMG6734

 

August is the month of festivities in Minho. You shouldn´t miss the fun, the parades,  the vira, the joy! The religious festival of Nossa Senhora da Agonia is one of the most important in the country since 1751. Many, many years of… fun! It is mostly famous for its etnographic parade which ilustrates with allegoric cars their traditions and the city’s history. But the real queens are the women dressed for the occasion, with  impressive golden, priceless weight around their necks. It would turn Mr. T from the A-Team green with envy.

2. Os Bombos/ The Drums

Festa que é festa, tem de ter bombo! Os bombos fazem parte de qualquer festa minhota. Aparecem nos desfiles, mas em Viana é uma autêntica competição de força e resistência, como qualquer desporto de alta competição. Durante uma hora vários grupos de bombos reúnem-se na Praça da República com os famosos cabeçudos ou gigantones a dar um colorido à festa. Sente-se a pura adrenalina de ritmos que chegam ao delírio.  É a verdadeira loucura!

DSCF5135

Minho’s festivities with no drums don’t sound right… The bass drums are part of any traditional parade in Minho. In Viana you find an authentic competition of strength and resistance, as in any high level sport competition. During an hour several groups of traditional percussionits gather at Praça da República with the famous cabeçudos (big heads) orgigantones (sort of giant figures) which give some animation and colour to the party.  You can feel the adrenaline of rythmn until they reach pure delirium. It is a wonderful madness!

3. O Miradouro de Santa Luzia/Santa Luzia’s sightseeing place

Uma das vistas mais belas do país. Sim, sem exageros. Até mesmo a National Geographic classificou este local, em 1927, como sendo a terceira vista panorâmica mais espectacular do mundo.  Em dias de sol é a melhor oportunidade de apreciar a vista do mar, do rio Lima e das montanhas. O santuário começou a ser construído em 1904, tendo sido terminadas as suas obras em 1959. Se já foram a Paris alguma vez, verificarão que é exatamente uma cópia do Sacré Coeur parisience. Mas tem a vantagem de ter a melhor vista.

CIMG6702DSCF1508

 

We’re not exaggerating by saying that this is one of the greatest views in the country. It was even classified by National Geographic in 1927 as the third most beautiful view in the world. When it is sunny you can’t skip the best opportunity to go up the funicular, or climb the stairs if you dare, and reach the view to the ocean, the river Lima and the mountains. It makes you speachless doesn’t it? The sanctuary began its construction in 1904, and finished in 1959. If you have already been to Paris you will find the similarities with the Sacré Coeur. But we believe that the view is more beautiful.

4. As praias/ The beaches

As praias do norte podem não ser tão quentes quanto as do sul, mas são muito, mas muito bonitas e perfeitas para os apaixonados por desportos radicais. São quilómetros de areia que se estendem até Vila Praia de Âncora. Perfeitas para body board , surf ou windsurf.

CIMG6759

Northern beaches aren’t famous for being as warm as the southern ones but they are surely amazingly beautiful and perfect for radical sports lovers. They are kilometres of sand extending until Vila Praia de Âncora, perfect for bodyboarding, surfingor windsurfing.

5. A Arquitetura/ Architecture

Viana do Castelo é uma cidade pequena e não é tão famosa como as grandes cidades cosmopolitas de arquitetura moderna. No entanto, há um edifício que chama atenção para quem passeia pela zona ribeirinha. O edifício de linhas direitas e que tão bem se enquadra com a paisagem é a biblioteca, obra magnífica do arquiteto português Siza Vieira.

 

DSCF5173

Viana is a small city, too small to be famous for having a modern arquitecture as any big and cosmopolitan cities out there in the world. However, there’s an amazing building that stands out out attention while stroling by the river. It is the city’s library and designed by the famous Portuguese architect, Siza Vieira.

6. Navio hospital Gil Eannes/ Gil Eannes Hospital ship 

O navio é um dos ex-libris da cidade e não passa despercebido quando passamos por ele, caminhando junto à zona ribeirinha. Construído em 1955, este navio outrora dava apoio aos pescadores dos bacalhoeiros que zarpavam para as águas frias da Terra Nova. Em 1995 a Fundação Gil Eannes retirou-o da sucata tendo sido recuperado 3 anos depois tornando-se num museu e pousada de juventude.

DSCF5201

The ship is the ex-libris of Viana and it immediately calls our attention when walking by the riverside. Built in 1955 this ship had been once a hospital ship that gave support for the fishermen that went for the adventure to catch the precious cod at Newfoundland. In 1995 the Foundation Gil Eannes rescued the ship from the junkyard and 3 years later it was recovered. It is now a museum and a Youth Hostel.

7. Bolas de Berlim do Natário

É daquelas coisas que nos enche a barriga de satisfação com duas ou três porque são pequeninas, mas bem recheadinhas de creme e polvilhadas com açucar e canela. Vêm quase sempre quentes, acabadas de fazer e a Cofeitaria Natário, pastelaria de renome, não se cansa de fazer mais de 1000 por dia. Querem uma trincadela?

DSCF1432

It is one of those things which fills our stomachs with contentment with two or three of these cakes because they are very small, but well filled with cream and sprinkled with sugar and cinnamon. They come most of the times warm, freshly made and the Pastry shop Natário, a renowned place in town, doesn’t get tired of making over 1000 of these marvellous cakes.

Nhamy!

Isabel Bernardo
Isabel Bernardo
Nascida e criada em Lisboa, tem a literatura, línguas e turismo como formação e um carinho especial pelo património, história, escrita e música. Entra nesta aventura, pelo gosto que tem em construir historias e passeios e pelo contacto com as pessoas. Fora da Rota é isso mesmo! Uma viagem enriquecedora entre amigos, mostrando os encantos de Portugal!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *